Na imprensa
Poupar e Investir em tempo de pandemia
30.10.2020
Imobiliário| Ser proprietário sem comprar uma casa

O setor imobiliário é um dos segmentos em que os especialistas consideram que há oportunidades.
Apesar de o setor também ter sido afetado pela pandemia, o imobiliário continua a ser apontado como um bom ativo para dar diversificação a qualquer carteira de ativos, considera Carlos Almeida, diretor de investimentos do Banco Best.
O especialista salienta, porém, que o investidor precisa "pensar qual é a sua exposição" ao setor e deve "incorporar outro risco" ao qual não esteja exposto.
Apesar de o investimento direto ser a 
forma de exposição preferida dos portugueses ao imobiliário, os gestores lembram que há outras formas de investir - e com menos dinheiro -, recomendando o investimento através de fundos. "Os portugueses têm visto muito o imobiliário numa perspetiva de aquisição do imóvel. Acreditamos que, na atual conjuntura de pandemia, possa ser possível mudar esta mentalidade e mostrar que é possível investir neste setor sem ser diretamente proprietário, com a vantagem de beneficiar regularmente das remunerações, praticamente inexistentes nos depósitos a prazo", realça José Gavino, diretor da gestora de fundos imobiliários Corum em Portugal. Em termos de oportunidades no setor, José Gavino nota que "as crises criam sempre oportunidades e a resiliência do mercado imobiliário tem-se notado em situações de incerteza económica como a que estamos a atravessar". "Setores como a saúde, o comércio eletrónico ou a logística têm registado um crescimento da atividade", remata.

Fonte: Jornal Negócios